7 de mai de 2015

A decadência da oligarquia: Roberto Costa chama Sousa Neto de “pau mandado”

Um vídeo disponibilizado pela blogueira Silvia Tereza mostra o bate-boca entre os deputados Sousa Neto e Roberto Costa – ambos da bancada sarneyzista – ocorrido após a sessão desta quarta-feira (06) da Assembleia Legislativa.
A confusão começou depois que a deputada Andrea Murad exigiu do PMDB a expulsão do prefeito de Bacuri, Richard Nixon, que foi preso na terça-feira (05) por envolvimento com as quadrilhas de agiotagem que operam no estado.
Um dos caciques do PMDB local, Costa afirmou que se alguém deveria ser expulso da legenda, este seria o ex-secretário Ricardo Murad.
Revoltado com a menção ao sogro, Sousa Neto partiu para cima do aliado, ameaçando inclusive pedir uma auditoria no Departamento Estadual de Trânsito — comandando até o final do ano passado por aliados de Roberto.
– Ah, tu és pau mandado? – reagiu o peemedebista.
– Pau mandado? Então eu vou mostrar quem é pau mandado – rebateu o deputado-goleiro.
– Tu és duas vezes pau mandado. De Ricardo e meu – disse Roberto antes de dar as costas para Sousa.
A confusão intensificou a crise no que restou do grupo Sarney. Há pouco, Andrea ameaçou deixar a legenda caso Roberto não se retrate na sessão de amanhã. Já o grupo ligado ao senador João Alberto acusa Murad de “infernizar” a convivência no PMDB.
A ex-governadora Roseana foi chamada às pressas para acalmar os ânimos e marcou para esta tarde uma reunião na sede do partido, no São Francisco.
Do Marrapá,confira aqui!
Enviado por Eri Santos Castro.
Compartilhe.

Nenhum comentário: