1 de mai de 2017

Belchior morreu. Mas, Belchior não morreu!

Tive a oportunidade de conviver com Berchior, durante um final de semana, quando do encerramento do Fesmap-Festival de Música Pinheirense, no final da década de 90. Um excelente exemplar da espécie humana: terno , humilde e sagaz.
Belchior morreu. Mas, Belchior não morreu. Está eterno nas suas cantigas.
Especial em homenagem ao Belchior no dia do seu aniversário de 70 anos
ESPECIAIS.OPOVO.COM.BR

Nenhum comentário: