29 de abr de 2017

O dia em que a Terra parou para falar do Brasil e 3 Verdades sobre a maior Greve Geral da história do país

O dia em que a Terra parou para falar do Brasil  e 3 Verdades sobre a maior Greve Geral da história do país
1- Não foi só a paralização e os protestos contra o fim da aposentadoria e da CLT, a opinião pública do Brasil se consolidou contra o governo entreguista Temer e seus asseclas do PSDB. Os mais fracos e o povo também precisam usar as armas da astúcia e da FORÇA para não serem esmagados;
2- A perseguição a LULA se intensificará em duas frentes: o aceleramento do golpe judicial e o cerco da mídia conservadora. Assim como aumentará consideravemente também a popularidade e a intenção de votos a LULA. O final dessa equação dependerá da continuidade dos movimentos de massa contra essas reformas entreguistas de Temer e PSDB;
3- O trabalhador organizado fez greve, quem não está empregado apoiou a greve, a população apoiou e deu o seu recado de que quer se aposentar antes de morrer e não concorda em rasgar a CLT. Participaram mais de 35 milhões de trabalhadores da Greve Geral. O imprecionante foi a participação espontânea das médias e pequenas cidades. Não pararam só São Paulo, Rio, BH, Curitiba, Porto Alegre, Salvador, Manaus, Belém, Cuiabá, Florianópolis, Fortaleza, Macapá, Rio Branco, São Luís, Palmas, Teresina, Vitoria, Campo Grande, Natal, Aracajú, ABC, Santos, Santarém, Uberaba, ...Pararam também Água Doce(SC), Alecrim (RS), Alto Paraguai (MT), Chupiguaia (RO), Clementina (SP), Gustavo (PR), Pedra Bela (MG), Bacuri (MA)...

Nas redes sociais do mundo inteiro o assunto mais comentado foi a greve geral no Brasil. O mundo não calou o #BrasilEmGreve . Ontem (28.04.2017) foi o dia em que que a Terra parou para falar do Brasil.
A greve geral fortaleceu a luta democrática, e ela vai crescer mais.
Eri Castro

Nenhum comentário: