12 de mar de 2016

Perigoso início da campanha eleitoral de São Luís: Na falta de decência e idéias, desqualificam interlocutores

A blogosfera maranhense tem um viés nitidamente conservador, com poucas exceções. Os blogueiros que compõem a artilharia do Palácio dos Leões também não fogem à regra.
Na inexistência de uma áurea política e filosófica reflexiva, partem para o campo rasteiro, habitado por “cobras” e “largatichas”. Assim, extrapolam a razoabilidade de uma sadia convivência.
Na falta de argumentos ou humildade para perceber o ambiente que convivem, alguns mais preguiçosos buscam salvaguarda nos instintos animalescos pré-históricos. Se não têm sustentação das próprias crenças ou estranham o outro, partem para a tosca solução de desqualificar o interlocutor.
Não há debate e muito menos idéias nessa nossa blogosfera. Se não entendem o 'Fora do Eixo', procuram defeitos em alguns Cards e no Eri Castro, por exemplo, tiram para palito com intenção de manchar um projeto para  São Luís. Assim, pensam que vão dando baixa no exército adversário, deslegitimando. Não importa a honra, a honestidade, a decência,...nada. É o vale tudo!
Se não aceitam as idéias do seu opositor, arrumam uma filha bastarda ou tentam desqualificá-lo pela sexualidade. Se o seu artista preferido não é aclamado como o melhor das galáxias procuram as manchas na vida pessoal do autor do artigo que elogiou outra pessoa. Um blá blá blá interminável de quem não quer abrir mão da vida sob os grilhões nos fundos da caverna de Platão.
Desqualificar o interlocutor é uma covardia, um contrapeso pela atrofia intelectual que joga ao esquecimento o princípio básico do convívio com o diferente.
Assim, concordar com o debatedor à frente é opcional; respeitá-lo, não.
Mas, a vida segue!

Nenhum comentário: