22 de set de 2014

O Brasil e o mundo responsabilizam o governo Roseana Sarney pela crise do sistema de Segurança do Maranhão

A Governadora e as principais instituições do Maranhão como Direitos Humanos da OAB, Ministério Público e a Pastoral Carcerário e alguns profissionais da imprensa , são os responsáveis pela crise em que de encontra o nosso estado. O Sindspem protocolou junto a essas instituições a possível crise que poderia afetar o Sistema Penitenciário Maranhense ao qual levou em 1 ano e seis meses a corrupção e a violência imperar no nosso Estado. 
 
Esses gestores tem que ser responsabilizado pelas suas decisões irresponsáveis, eles destruíram a paz no Estado do Maranhão e fizeram o Brasil ser representado pela ONU e a OEA como o sistema mais sanguinário do mundo e pela primeira vez na história o Maranhão ganha o primeiro lugar como o Estado mais violento e sanguinário dentro e fora do Sistema Penitenciário mundial.
 
 
Reproduzir o vídeo

Nenhum comentário: