23 de fev de 2014

A III Guerra Mundial acontece na mídia e nas redes sociais



“Lutar com palavras é a luta definitiva e final. Palavras rompem  o amanhã.” (Drummond)

Não se trata de poesia. Mas de política. A edição da “Folha” desta sexta-feira é mais uma demonstração de que a batalha nas ruas de Kiev ou Caracas não é feita só de coquetéis molotov, bombas e fuzis. A batalha se dá na mídia, na TV, na internet, nas páginas envelhecidas dos jornais. São Paulo, Caracas, Kiev, Moscou e Washington. A batalha é uma só.

Nenhum comentário: