6 de set de 2015

O Brasil já concedeu 2077 pedidos de refúgios para os sírios. Mais do que países da Europa


O Brasil já concedeu 2.077 pedidos de refúgios para os sírios desde que o país asiático entrou em conflito. O número é superior aos países da Europa, como Espanha com 1.335, Itália com 1.005 e Portugal com apenas 15, aponta a Eurostat, agência de estatística da União Européia. Depois da Síria, os países que mais conseguiram refúgio no Brasil foram Angola (1.480), República Democrática do Congo (844), ambos com conflitos internos, registra o jornal Estado de S. Paulo.
O diretor do Instituto de Relações Internacionais da USP, Pedro Dallari, afirma que os sírios que migraram ao Brasil são de famílias com maior poder aquisitivo e com maior grau de escolaridade. "Quem vai para a Europa sabe que naqueles países há uma melhor acolhida, com ajuda financeira e abrigos. Já no Brasil vão precisar batalhar mais para conseguir se manter", explica ao jornal.
Relatório do Conare, aponta que o perfil dos refugiados no Brasil, são na maioria homens (70,7%) e com idade entre 18 e 39 anos (65,6%). No total, 4 milhões de pessoas já deixaram a Síria desde o início do conflito interno.
Comitê Nacional para Refugiados (Conare) tem reunião agendada para decidir se vai renovar a normativa que facilitou a emissão de vistos de entradas aos sírios. Comitê vai levar em consideração de que a guerra na Síria não acabará tão cedo.
Com Brasil 247.
Enviado por Eri Santos Castro.
#Compartilhe.

Nenhum comentário: