2 de dez de 2013

Roberto Rocha ganharia de Roseana Sarney para o Senado. Flávio mantém margem de vitória com enorme segurança

Se a eleição fosse hoje Flávio Dino seria eleito governador e Roberto Rocha Senador.

Os números confiáveis são da pesquisa JP/Amostragem públicados no domingo (1º) e na segunda-feira (2).

A pesquisa situa Flávio Dino bem à frente do pesado candidato da oligarquia moribunda.
Dos 1.300 eleitores questionados em 40 municípios 55,85% responderam que Flávio será Governador e apenas 16,54% disseram que seria Luís Fernando.

Na corrida para o Senado Roberto Rocha seria eleito com 42,23% enquanto Roseana perderia a eleição com 38,23%.

Como se pode constatar o recurso do ataque constante utilizado pela oligarquia e sua mídia amilhada que atua como espécie de aríete (batendo sem parar) nao dá resultado algum a não ser para quer alguns faturem ainda mais.

Flávio Dino e Robherto Rocha correm à frente mas não devem baixar a guarda jamais.

Os ataques continuarão mas a sociedade já decidiu que o espectro da mudança ronda o Maranhão.

Como na eleição para prefeito em São Luís deve-se unir nesse momento racionalidade e perspicácia política para continuar e vencer a eleição em Outubro próximo descortinando um novo momento para o estado.

Do blogue Marden Ramalho, confira aqui!
Enviado por Eri Santos Castro.
Compartilhe.

Nenhum comentário: