22 de out de 2013

Auditoria do SUS encontra no Maranhão fraude digna de ficção literária

Na cidade de Miranda do Norte, a população inteira teve problema na visão, repetindo-se um caso similar ao narrado em um livro do escritor português José Saramago

O levantamento feito pelo SUS sobre problemas relacionados a desvio de recursos da área da saúde no Brasil, que apontou desvios milionários em diversos estados inclusive no Maranhão e foi destaque no jornal Folha de São Paulo, apontou uma situação só encontrada na literatura ao averiguar os atendimentos feitos pelo Hospital Pedro Cruz Vera Bezerra na cidade Miranda do Norte, situada a  138 km de São Luis.

Enquanto no livro do escritor português, José Saramago, chamado “ Ensaio Sobre a Cegueira”, a população inteira de uma cidade é atingida por uma doença oftalmológicos, no relatório dos auditores do SUS constatou que no período de abril de 2010 a junho 2011 foram realizadas 27.441 consultas relativas a casos de Glaucoma.

Este número é maior do que a população da cidade de 24.427 habitantes conforme dados do IBGE. O relatório atenta para um detalhe importante: Glaucoma é um tipo de doença oftalmológica que se manifesta nas faixas etárias mais avançadas e a população da cidade com idade superior a 40 anos é 5.982 pessoas e portanto o número máximo de pacientes portadores de Glaucoma esperados na população é de 120 pessoas.

O relatório traz depoimento da médica especializada em oftalmologia que prestava atendimento no Hospital, onde ela confirma que em média fazia em 60 consultas semanais com apenas dois ou três casos de Glaucoma, mas o SUS acabou pagando por um numero de consultas superior à população da cidade e por conta disto o relatório da auditória  aponta um prejuízo superior a R$ 600 mil reais e recomenda que seja cobrado o ressarcimento deste valor.

Com o Sítio Maranhão da Gente, confira aqui!
Enviado por Eri Santos Castro.
Compartilhe.

Nenhum comentário: