3 de dez de 2015

Ciro Gomes: um chefe de quadrilha não tem autoridade de nada, a chantagem não sobreviverá

“Não aceitaremos que um chefe de quadrilha processado na justiça por corrupção leve o País à ruptura democrática! Não aceitaremos o golpe”, declarou Ciro Gomes, hoje no PDT, e possível presidenciável em 2018, sobre o processo de impeachment aberto pelo presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB).
Com Brasil 247.

Nenhum comentário: