2 de jan de 2015

Pinheiro - Crime ambiental é praticado diariamente nas "barbas" das autoridades

Ontem a tarde, quando dava uma volta em alguns povoados de Pinheiro, me deparei com várias irregularidades. Saindo da Bubalina, indo para Canarana, aproximadamente no meio da barragem, me deparei um um rapaz aparentando ter 28 a 30 anos "pegando" japeçocas , uma especie de jaçanã dos campos alados bastante comum na região, com uma armadilha feita com anzol.
O sistema é assim: o cara escolhe uma área com pouca água, põe a isca no anzol e prende o náilon em algum arbusto próximo. Os pássaros chegam em busca de alimentação, comem a isca presa no anzol. e ficam preza no apetrecho. Quando tem um monte desse pássaros presos pelo anzol, o cara mata os animais e leva para casa, para comer.
Nessa caçada, o rapaz disse ter colocado trita armadilhas e pegou 12 japeçocas .

Nenhum comentário: