3 de fev de 2014

FETRACSE-MA E FORÇA SINDICAL estão solidários quanto as greves dos servidores municipais no Maranhão.


São Domingos do MA e Floriano-PI servidores municipais 
cruzam 

os braços hoje



Após várias tentativas de negociação sem êxitos, categorias resolvem paralisar suas atividades como forma de protesto contra as atitudes dos gestores municipais de São Domingos do MA e Floriano-PI em não atender a pauta dos servidores.

Em São Domingos do MA,  servidores municipais lotaram a Sede da Câmara Municipal hoje (03/02) para pedir apoio aos vereadores. Após se reuniram em assembleia da categoria em frente ao Legislativo com lideres sindicais do SINTESPEM sindicato representativo da categoria e FETRACSE-MA (Federação dos Sindicatos dos Trabalhadores Municipais do Estado do MA) na pessoa do presidente Gilvan Freire.

Na fala do presidente Gilvan Freire, o mesmo foi bem enfático a dizer, os resultados só aparecerão se todos se unirem num só caminho. Pois a luta é árdua, porém as vitórias só acontecerão pela a união de todos. Vamos buscar o que é nosso.

Sabemos da intransigência do prefeito e de seus auxiliares em não cumprir acordo, ademais, no ano passado o governo assinou um acordo via judicial, mas até hoje não cumprido.  O sindicato já tomou as providencias legal de execução. Concluiu o mesmo.

Quanto  às GREVES:

Em São Domingos do MA, estão em greve, professores e Guardas Municipais. O governo deve aos professores dois abonos referentes aos anos de 2012 e 2013, ou seja, esses abonos são oriundos dos recursos do FUNDEB no valor de R$ 4.500,00 (quatro mil e quinhentos reais) para cada professor. Outra reivindicação é aplicação correta da redução da jornada do professor em 2/3, conforme a Lei de nº 11.738/2008.

QUANTO AOS GUARDAS MUNICIPAIS: Os mesmos reivindicam o pagamento da diferença salarial congelada há quatro anos, e aprovação do PCCS da categoria, já discutida com o governo, porém engavetada.

Em Floriano-PI. O SINSPEM sindicato parceiro da FETRACSE-MA tem travado várias lutas com o governo municipal a favor dos servidores municipais, mas sem êxitos. No ano passado foram realizadas várias manifestações nas ruas da cidade pelos servidores municipais. Conforme o presidente Ozael, hoje (03/02) se inicia mais uma GREVE Geral que abarca todos os servidores da educação, saúde e administração.

As reivindicações não são tantas diferentes de outros municípios, que inclui, melhoria nos locais de trabalho, pagamento de salários atrasados, perca salariais, abonos para professores, ajustes nos PCCS de todas as categorias e pagamentos em dia.  

Pauta: Frazão da Força e gilvan Beserra Freire.
Enviado por Eri Santos Castro.
Compartilhe.

Nenhum comentário: