4 de fev de 2015

Crise no Partido Rede do Maranhão que é esperado e que cresce

Cândido Lima tem dito que tanto a deputada Eliziane Gama, quanto Drº Sílvio Bembém e a Drª Kley Lago são excelentes quadros e que ninguém é tão bom quanto todos juntos.
O economista Cândido Lima lidera uma guerra legítima pelo controle do partido REDE, no Maranhão. A Executiva Nacional do partido marcou para o dia 7, deste mês, o debate final para a composição da sua Direção Estadual.
Veja nota de Cândido sobre os fatos recentes:

N O T A
Na condição de Porta Voz da Rede Sustentabilidade do Maranhão venho a público repudiar as acusações que foram feitas pela Direção Nacional à gestão da Rede/Maranhão. Na verdade, o que há são interesses imediatistas de membros da Rede que estão tentando desvirtuar o projeto original desse projeto. A Rede/Maranhão continua fiel aos princípios discutidos a nível nacional quando ainda era Movimento Nova Política, consubstanciado na criação do Partido Rede Sustentabilidade em fevereiro de 2013.  
Membros da Rede/Maranhão tem interesse negociar cargos no Governo Flavio Dino, o que tenho me manifestado contra, pois quando da época da campanha em reunião realizada ainda no mês de maio de 2014 tomou-se a decisão de que a Rede ficaria neutra no processo e liberaria seus filiados a votarem nos candidatos do campo de oposição ao grupo que estava no Poder naquela época.
Outras lideranças filiadas a Rede que embalam o sonho da Executiva Nacional de que virão pra Rede/Maranhão, mas que todos sabemos que não virá, mas que desejam dominar a Rede para carregar em suas prováveis candidaturas a marca “Marina Silva”, com fizeram em campanhas anteriores.
Acontece que para que coisas aconteçam é preciso remover pessoas que se contrapõe a esse projeto. É o caso da decisão tomada pela direção Nacional de intervir no Diretório Estadual do Maranhão para retirar afastar da gestão da Rede no Maranhão o Porta Voz, Cândido  Lima, porque este continua fiel aos princípios que nortearam a criação da Rede. As mudanças de rumo desejadas por essas pessoas acabam com a proposta de Nova Política pregada pela Rede e se transforma num Partido igual a todos os demais partidos existentes.
Por fim quero manifestar meu repudio a forma autoritária como o Senhor Pedro Ivo conduz a Rede a nível Nacional, que quer dar uma de correto,   criticando os atos da direção do Maranhão mas a nível Nacional pratica  atos piores porque esses seus atos são de natureza autoritária e antidemocrática. E ainda quer fazer prevalecer dentro da Rede a tendência petista da qual participou enquanto esteve filiado aquele Partido.

CANDIDO LIMA
Rede/Maranhão
Fundador do Movimento Nova Politica e
do Partido Rede Sustentabilidade.

Nenhum comentário: